ufsj_logo_topo   ufsj_logo_topo   cefet_logo_topo

Mudança da Página do PPGEL

  

 

EM BREVE, ESTA PÁGINA SERÁ DESATIVADA. A NOVA PÁGINA OFICIAL DO PPGEL PODE SER ACESSADA EM:

http://www.ufsj.edu.br/ppgel/ 

       

 
 
        
 
   
 
 

Defesa de Dissertação de Brenda Ferreira da Silva Eloi

CONVITE À COMUNIDADE

 

A Coordenação do Programa de Pós-Graduação em Engenharia Elétrica UFSJ/CEFET-MG tem o prazer de convidar toda a comunidade para a sessão pública de apresentação e defesa da dissertação "MELHORIA NA DETECÇÃO DE RESPOSTAS AUDITIVAS EM REGIME PERMANENTE NA FAIXA DE 80 Hz USANDO MAGNITUDE QUADRÁTICA DA COERÊNCIA MÚLTIPLA E ELETROENCEFALOGRAMA MULTICANAL". 

 

MESTRANDA: Brenda Ferreira da Silva Eloi

 

BANCA EXAMINADORA:

Prof. Dr. Leonardo Bonato Felix - UFV (Orientador)

Prof. Dr. Erivelton Geraldo Nepomuceno - UFSJ 

Prof. Dr. Alexandre Santos Brandão - UFV

 

LOCAL: Sala 3.06, Prédio Central, Campus Santo Antônio, UFSJ e Sala de videoconferência, Prédio da CEAD, Campus Universitário, UFV.

DATA: 10 de março de 2017 - sexta-feira 

HORÁRIO: 16h

 

Resumo do trabalho:  

O  potencial  evocado  (PE)  é  a  atividade  elétrica  encefálica  sincronizada  em  resposta a um estímulo em uma fase e/ou tempo. Uma resposta auditiva em regime permanente(ASSR) é um PE onde se utiliza de estímulos sonoros repetidos a uma taxa elevada de modo que as respostas a cada estímulo se sobreponham. Por apresentar amplitude muito inferior ao do eletroencefalograma (EEG), a ASSR necessita, portanto, da aplicação de técnicas  de  processamento  de  sinais  para  a  sua  detecção.  A  Magnitude  Quadrática da  Coerência  (MSC)  é  uma  técnica  estatística  que  utiliza  informações  espectrais  de magnitude e fase na detecção de sinais imersos em ruído. A Magnitude Quadrática de Coerência Múltipla (MMSC) é a extensão multivariável da técnica MSC. Desta forma, este trabalho  tem o propósito de investigar a eficiência da MMSC para obtenção de um conjunto  de  eletrodos  a  fim  de  aumentar  a  taxa  de  detecção  de  ASSRs  e  diminuir  o tempo do experimento sem perda de eficiência em termos de taxa de falsos positivos. O EEG de 26 voluntários com limiar auditivo normal foi coletado seguindo um protocolo de estimulação binaural por modulação AM com frequências moduladoras de 84 e 88 Hz,  nas  frequências  portadoras  de  500,  1000,  2000  e  4000  Hz.  Foram  utilizados  16 eletrodos  dispostos  de  acordo  com  o  Sistema  Internacional  10-20.  A  melhor  combinação  encontrada  foi  com  os  eletrodos  Fz,  Pz,  Oz,  F4  e  T4  com  um  taxa  de  detecção de 95,31%  dos estímulos, uma taxa de falso positivo de 4,69%, e um tempo médio de detecção para  cada estímulo de 146,686  s. O resultado mostra que a MMSC é eficiente na detecção objetiva de respostas e é significativamente melhor que a MSC. Os resultados  indicam  que  a  MMSC  pode  ser  eficientemente  utilizada  como  forma  de identificação  de  ASSRs  na  faixa  de  80  Hz  em  sinais  eletroencefalográficos.

 

Palavras-chave: Resposta Auditiva em Regime Permanente, Magnitude Quadrática da Coerência, Magnitude Quadrática da Coerência Múltipla, Eletroencefalograma.